Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Simply by Cristina

Homemade Food & Photography

Simply by Cristina

Homemade Food & Photography

Doce de Nabo…

Quando se fala em nabos, a maioria torce o nariz, pois… e eu não sou exceção á regra Sorriso
Costumo usar na sopa, mas desta vez fui corajosa e usei para fazer um doce, SIM…um doce Sorriso rasgado
E não é que ficou uma maravilha? Não se nota aquele sabor a que estamos habituados na sopinha, mal se nota na verdade.

Desafio-vos a experimentar! Se vão gostar? Eu gostei, portanto vocês também vão…pelo menos, assim espero! Piscar de olho Com receio do resultado final, usei apenas 500g de nabos, mas se soubesse que ia ser aprovadíssimo, teria com toda a certeza dobrado a quantidade usada. Fica para a próxima, pois vou voltar a fazer! Piscar de olho

2015-01-14 11.48.06

Ingredientes:

500g de nabos
água para a cozedura ( até cobrir os nabos)
sal q.b.
250g de açúcar
80g de água
1 pau de canela
casca de 1 limão

Preparação:

1. Preparar os nabos, remover a casca, partir em rodelas e lavar.

2015-01-06 10.36.452015-01-06 10.40.44

2. Colocar no copo da Bimby e temperar com sal q.b. Programar 20Min./100º/Vel.1

2015-01-06 10.40.57

3. Rejeitar a água ( pode ser utilizada para fazer sopa) e colocar os nabos num Tupperware, de molho em água fria e no frigorífico durante 4 dias, tendo o CUIDADO de ir mudando a água diariamente, durante este período. A esse processo dá-se o nome de corar e serve para libertar um suco que o nabo tem no seu interior e que intensifica com a cozedura, daí ser extremamente importante que antes de fazer o doce, passe por este procedimento.

2015-01-06 11.10.202015-01-06 11.10.58

4. Após os 4 dias, fazer o ponto de açúcar: Ponto de cabelo. ( Vocês nem imaginam a quantidade de fotos que tive que tirar para vos mostrar este ponto Sorriso rasgado, fiz um contorno rosa no Ponto de cabelo, espero que consigam ver bem )

Colocar no copo o açúcar e 80g água. Programar 20Min./Varoma/Vel. 2, SEM COPO MEDIDA.

2015-01-14 10.35.512015-01-14 11.04.24

5. Adicionar os nabos bem escorridos, o pau de canela e a casca de limão. Programar 20Min./Varoma/Vel.1 Substituir o copo medida pelo cesto.

2015-01-14 11.06.582015-01-14 11.28.36

6. Após o tempo de cozedura, retirar o pau de canela e a casca de limão, com a espátula baixar os nabos que estiverem nas paredes do copo. Triturar 10Seg./Vel.5
7. Escaldar frascos de vidro e deitar o doce, fechar os frascos e deixar arrefecer em temperatura ambiente. Colocar no frigorífico.

Sugestão: Podem adicionar nozes, amêndoas ou avelãs trituradas.

Etiquetas Technorati: Doces,Compotas,Legumes,Acompanhamentos








Doce de Nabo…

Quando se fala em nabos, a maioria torce o nariz, pois… e eu não sou exceção á regra Sorriso
Costumo usar na sopa, mas desta vez fui corajosa e usei para fazer um doce, SIM…um doce Sorriso rasgado
E não é que ficou uma maravilha? Não se nota aquele sabor a que estamos habituados na sopinha, mal se nota na verdade.

Desafio-vos a experimentar! Se vão gostar? Eu gostei, portanto vocês também vão…pelo menos, assim espero! Piscar de olho Com receio do resultado final, usei apenas 500g de nabos, mas se soubesse que ia ser aprovadíssimo, teria com toda a certeza dobrado a quantidade usada. Fica para a próxima, pois vou voltar a fazer! Piscar de olho

2015-01-14 11.48.06

Ingredientes:

500g de nabos
água para a cozedura ( até cobrir os nabos)
sal q.b.
250g de açúcar
80g de água
1 pau de canela
casca de 1 limão

Preparação:

1. Preparar os nabos, remover a casca, partir em rodelas e lavar.

2015-01-06 10.36.452015-01-06 10.40.44

2. Colocar no copo da Bimby e temperar com sal q.b. Programar 20Min./100º/Vel.1

2015-01-06 10.40.57

3. Rejeitar a água ( pode ser utilizada para fazer sopa) e colocar os nabos num Tupperware, de molho em água fria e no frigorífico durante 4 dias, tendo o CUIDADO de ir mudando a água diariamente, durante este período. A esse processo dá-se o nome de corar e serve para libertar um suco que o nabo tem no seu interior e que intensifica com a cozedura, daí ser extremamente importante que antes de fazer o doce, passe por este procedimento.

2015-01-06 11.10.202015-01-06 11.10.58

4. Após os 4 dias, fazer o ponto de açúcar: Ponto de cabelo. ( Vocês nem imaginam a quantidade de fotos que tive que tirar para vos mostrar este ponto Sorriso rasgado, fiz um contorno rosa no Ponto de cabelo, espero que consigam ver bem )

Colocar no copo o açúcar e 80g água. Programar 20Min./Varoma/Vel. 2, SEM COPO MEDIDA.

2015-01-14 10.35.512015-01-14 11.04.24

5. Adicionar os nabos bem escorridos, o pau de canela e a casca de limão. Programar 20Min./Varoma/Vel.1 Substituir o copo medida pelo cesto.

2015-01-14 11.06.582015-01-14 11.28.36

6. Após o tempo de cozedura, retirar o pau de canela e a casca de limão, com a espátula baixar os nabos que estiverem nas paredes do copo. Triturar 10Seg./Vel.5
7. Escaldar frascos de vidro e deitar o doce, fechar os frascos e deixar arrefecer em temperatura ambiente. Colocar no frigorífico.

Sugestão: Podem adicionar nozes, amêndoas ou avelãs trituradas.

Etiquetas Technorati: Doces,Compotas,Legumes,Acompanhamentos








Torta de claras com creme de caramelo...

Nunca gostei da palavra ADEUS...e raramente a uso. Parece-me algo muito definitivo, com a duração de eternidade e esta é longa demais...Tenho a certeza que despedir-mo-nos de alguém que parte é entregar nas mãos de Deus esse alguém...Nunca aprendi a dizer ADEUS! E a verdade é que nunca irei querer aprender, pois dói, dói de verdade e dói muito. Prefiro pensar que este tipo de partidas definitivas são o início de novas etapas, de novos recomeços, mas com a noção de que existem lugares que são deixados vazios e que jamais irão ser preenchidos ou substituídos.

Ontem, partiu uma colega e de imediato faz lembrar a partida da minha avó, tão recente ainda... Existem feridas que vão sarando ao longo do tempo, mas que são abertas de vez em quando e aí temos a noção que estas nunca irão sarar...NUNCA! E a SAUDADE...essa jamais terá fim!

Certo dia, recebo uma mensagem de alguém que me pedia uma dica. O seu nome era Raquel…a partir deste dia trocamos algumas mensagens sempre acerca de dicas e truques do mundo da cozinha. Tal como eu, era uma apaixonada pela Bimby, pela cozinha, pela partilha daquilo que gostava de fazer. Numa dessas vezes, falamos do Molotoff, o segredo para não baixar depois da cozedura, mas segredo não há Sorriso é mesmo uma questão de deixar arrefecer dentro do forno e sorte, claro! Molotoff…e fazer uma Torta de Claras? Molotoff já é uma aventura, transformar este numa Torta...mas, como sempre, desistir não era uma palavra que constasse no nosso dicionário. No dia em que soube que a Raquel tinha partido, foi esta a homenagem que lhe quis prestar, aventurei-me com a Torta de Claras e correu tão bem Sorriso 
Sei que ficarias contente em ver o resultado final, prometi e cumpri!

 

2015-01-12 19.19.00

Ingredientes:

8 claras
150g açúcar
1 pitada de sal
gotas de limão

Creme:
1/2 lata de leite condensado cozido
2 ovos
125g leite

Preparação:

1. Pesar o açúcar, pulverizar 15Seg./Vel.9 e reservar.
2. Pré-aquecer o forno a 180º.
3. Colocar a borboleta, as claras, o sal e as gotas de limão. Programar 12Min./Vel. 3 1/2.
4. Passados os 9Min. adicionar pelo bucal o açúcar em pó reservado.
5. Forrar um tabuleiro com papel vegetal e untar bem com manteiga, polvilhar com açúcar.

2015-01-12 18.34.33

6. Deitar as claras no tabuleiro e alisar.

2015-01-12 18.39.20

7. Levar ao forno cerca de 8Min. ou até alourar.
8. Desenformar em cima de um pano, enrolar de imediato e deixar arrefecer. Tal como irão verificar, á saída do forno as claras vão estar altinhas, mas vão baixar ligeiramente, mas é mesmo assim. De qualquer modo, fica perfeita para uma torta, como podem ver pelas fotos.

2015-01-12 18.50.51

9. Creme de caramelo: Colocar todos os ingredientes no copo e programar 8Min./90º/Vel.2 1/2
10. Deitar o creme por cima da torta e levar ao frigorífico até ao momento de servir. Podem fazer cerca de 2H antes de servir, para que possa estar fresquinha.

2015-01-12 19.18.372015-01-12 19.21.13

Para ti, Raquel Apresentação...que a tua alma descanse em paz...Até sempre! Coração vermelho

" Não choreis...Eu continuarei a amar-vos na outra vida. O amor está na alma e a alma não morre. "

2015-01-13 18.34.23








Torta de claras com creme de caramelo...

Nunca gostei da palavra ADEUS...e raramente a uso. Parece-me algo muito definitivo, com a duração de eternidade e esta é longa demais...Tenho a certeza que despedir-mo-nos de alguém que parte é entregar nas mãos de Deus esse alguém...Nunca aprendi a dizer ADEUS! E a verdade é que nunca irei querer aprender, pois dói, dói de verdade e dói muito. Prefiro pensar que este tipo de partidas definitivas são o início de novas etapas, de novos recomeços, mas com a noção de que existem lugares que são deixados vazios e que jamais irão ser preenchidos ou substituídos.

Ontem, partiu uma colega e de imediato faz lembrar a partida da minha avó, tão recente ainda... Existem feridas que vão sarando ao longo do tempo, mas que são abertas de vez em quando e aí temos a noção que estas nunca irão sarar...NUNCA! E a SAUDADE...essa jamais terá fim!

Certo dia, recebo uma mensagem de alguém que me pedia uma dica. O seu nome era Raquel…a partir deste dia trocamos algumas mensagens sempre acerca de dicas e truques do mundo da cozinha. Tal como eu, era uma apaixonada pela Bimby, pela cozinha, pela partilha daquilo que gostava de fazer. Numa dessas vezes, falamos do Molotoff, o segredo para não baixar depois da cozedura, mas segredo não há Sorriso é mesmo uma questão de deixar arrefecer dentro do forno e sorte, claro! Molotoff…e fazer uma Torta de Claras? Molotoff já é uma aventura, transformar este numa Torta...mas, como sempre, desistir não era uma palavra que constasse no nosso dicionário. No dia em que soube que a Raquel tinha partido, foi esta a homenagem que lhe quis prestar, aventurei-me com a Torta de Claras e correu tão bem Sorriso 
Sei que ficarias contente em ver o resultado final, prometi e cumpri!

 

2015-01-12 19.19.00

Ingredientes:

8 claras
150g açúcar
1 pitada de sal
gotas de limão

Creme:
1/2 lata de leite condensado cozido
2 ovos
125g leite

Preparação:

1. Pesar o açúcar, pulverizar 15Seg./Vel.9 e reservar.
2. Pré-aquecer o forno a 180º.
3. Colocar a borboleta, as claras, o sal e as gotas de limão. Programar 12Min./Vel. 3 1/2.
4. Passados os 9Min. adicionar pelo bucal o açúcar em pó reservado.
5. Forrar um tabuleiro com papel vegetal e untar bem com manteiga, polvilhar com açúcar.

2015-01-12 18.34.33

6. Deitar as claras no tabuleiro e alisar.

2015-01-12 18.39.20

7. Levar ao forno cerca de 8Min. ou até alourar.
8. Desenformar em cima de um pano, enrolar de imediato e deixar arrefecer. Tal como irão verificar, á saída do forno as claras vão estar altinhas, mas vão baixar ligeiramente, mas é mesmo assim. De qualquer modo, fica perfeita para uma torta, como podem ver pelas fotos.

2015-01-12 18.50.51

9. Creme de caramelo: Colocar todos os ingredientes no copo e programar 8Min./90º/Vel.2 1/2
10. Deitar o creme por cima da torta e levar ao frigorífico até ao momento de servir. Podem fazer cerca de 2H antes de servir, para que possa estar fresquinha.

2015-01-12 19.18.372015-01-12 19.21.13

Para ti, Raquel Apresentação...que a tua alma descanse em paz...Até sempre! Coração vermelho

" Não choreis...Eu continuarei a amar-vos na outra vida. O amor está na alma e a alma não morre. "

2015-01-13 18.34.23








Iogurtes de coco…

Fazer iogurtes em casa é mesmo surpreendente e damos por nós a provar iogurtes de uma cremosidade e sabores verdadeiros, que vale a pena experimentar. Para além de que o ser Homemade é por si só algo que lhe dá um sabor único.

2015-01-04 12.46.18 
Ingredientes:
100g coco ralado
1L de leite
80g açúcar (opcional)
125g iogurte natural
Passas q.b. (opcional, podem substituir por aveia, frutos secos...)
Preparação:
1. Colocar no copo o coco, 500ml de leite e o açúcar e programar 1Min./Vel.9

2014-12-29 21.16.59

2. Adicionar os restantes 500ml de leite e programar 1Min./Vel.7

2014-12-29 21.20.53

3. Juntar o iogurte natural.
Programar 5Min./50º/Vel.3

2014-12-29 21.27.31

4. Preparar os frascos, nestes coloquei na base passas, mas podem adicionar flocos de aveia, frutos secos ou até mesmo um puré de frutos.
Fazer iogurtes caseiros permite-nos fazer inúmeras adaptações, combinações e dar-lhes o nosso toque pessoal.
Verter de imediato o preparado do iogurte, tendo o cuidado de não deixar verter a espuma que este liberta.
2014-12-29 21.32.052014-12-29 21.33.44

5. Fechar os copos, assim que os terminar de encher.

2014-12-29 21.35.572014-12-29 21.37.03

6. Abafar os frascos numa manta polar e deixar por 12h.

2014-12-29 21.39.02

7. Costumo colocar os iogurtes abafados na manta polar, dentro do forno DESLIGADO, durante 12H, para que possam fermentar corretamente.
A consistência dos iogurtes depende da forma como se abafam.
Durante este processo de fermentação, os iogurtes não se devem mexer.
8. Após as 12H, retirar da manta polar e colocá-los no frigorífico até ao momento de consumir. Depois, é só dar asas à imaginação e disfrutar.
Podem ainda adicionar cereais, fruta…

Iogurtes de coco…

Fazer iogurtes em casa é mesmo surpreendente e damos por nós a provar iogurtes de uma cremosidade e sabores verdadeiros, que vale a pena experimentar. Para além de que o ser Home made é por si só algo que lhe dá um sabor único.

2015-01-04 12.46.18

Ingredientes:

100g coco ralado
1L de leite
80g açúcar
125g iogurte natural
passas q.b. (opcional)

Preparação:

1. Colocar no copo o coco e açúcar e pulverizar 15Seg./Vel.9

2014-12-29 21.16.59

2. Adicionar 500g de leite e bater 2Min./Vel.9

2014-12-29 21.20.53

3. Juntar o restante leite e o iogurte natural. Programar 4Min./50º/Vel.4

2014-12-29 21.27.31

4. Preparar os frascos, nestes coloquei na base passas. fazer iogurtes caseiros permite-nos fazer inúmeras adaptações e dar-lhes o nosso toque pessoal. Verter de imediato o preparado do iogurte, tendo o cuidado de não deixar verter a espuma que este liberta.

2014-12-29 21.32.052014-12-29 21.33.44

5. Fechar os copos, assim que os terminar de encher.

2014-12-29 21.35.572014-12-29 21.37.03

6. Abrir uma manta polar e colocar os frascos ao centro, abafá-los.

2014-12-29 21.39.02


7. Colocar os iogurtes abafados na manta polar dentro do forno DESLIGADO, durante 12H, para que possam fermentar corretamente. A espessura dos iogurtes depende da forma como se abafam. Durante este processo de fermentação, os iogurtes não se devem mexer.

8. Após as 12H, retirar da manta polar e colocá-los no frigorífico até ao momento de consumir. Depois, é só dar asas á imaginação e disfrutar. Podem adicionar cereais, fruta…

Etiquetas Technorati: Iogurtes,Sobremesas,Refeições




Pão Enroscado…

O cheiro do pão quente que aromatiza a casa pela manhã ou pela tarde, até mesmo à noite é algo que me é completamente habitual. De algum tempo para cá, que as idas à padaria cá da vila são mesmo só para comprar o fermento. Piscar de olho
Faço o meu próprio pão: é fácil, muito mais económico, saboroso e saudável. faço diversas combinações e cada uma delas é sucesso garantido.
A maioria das pessoas pensam que fazer pão em casa dá muito trabalho, suja a cozinha e demora muito tempo. Errado! Tenho que vos dizer que a Bimby, a máquina de fazer pão (esta anda muito esquecida ali pelo armário) e o meu forno a lenha auxiliam-me neste processo e sem estes utensílios, talvez não me atrevesse, mas felizmente tenho-os em casa e quase que não sujo as mãos para ter à minha mesa pão caseiro fresquinhos e quase não preciso sujar as mãos.

Para primeira postagem do ano, sai um pãozinho enroscado (porque é enrolado em forma de rosca) que precisa levedar, mas que vale bem a pena a espera Piscar de olho  Neste novo ano, uma troca de hábitos, vai ser colocada em prática. Vou tentar deixar os bolos e as doçuras mais para ocasiões especiais e transformar as minhas refeições mais saudáveis e nutritivas. Este desejo tem ocupado imenso os meus pensamentos. Não sei se vou conseguir, mas pelo menos tentar pôr em prática, isso eu vou!Quem, eu?

2015-01-02 17.36.23

Ingredientes:

310g de água
25g de fermento fresco de padeiro
500g de farinha T65
5g de sal fino

Preparação:

1. Colocar a água, o fermento e 150g de farinha. Programar 2Min./37º/Vel. 2.

2015-01-02 15.22.482015-01-02 15.26.32

2. Adicionar os restantes ingredientes. Programar 10Min./ Vel.Espiga.

2015-01-02 15.27.402015-01-02 15.38.24

3. Deixar a massa repousar dentro do copo e tapar com 2 panos: um à volta da Bimby (usei um cobertor de bebé, o meuSorriso) e uma mantinha por cima.

2015-01-02 15.39.542015-01-02 15.41.48

4. Em principio, levedará em 15-20Min, isto porque depende da temperatura ambiente, como eu tenho fogão a lenha na cozinha é um instantinho. O copo medida vai levantar da tampa.

2015-01-02 16.11.042015-01-02 16.12.55

5. Polvilhar uma superfície com farinha e colocar a massa sobre a bancada. Com as mãos enfarinhas, dividir em 2 partes iguais. 

2015-01-02 16.14.272015-01-02 16.15.40

6. Tender as 2 partes de forma a obter cordas de massa. Entrelaçar.

2015-01-02 16.16.362015-01-02 16.17.21

7. Dar-lhe a forma de uma rosca.

2015-01-02 16.17.562015-01-02 16.18.30

8. Numa forma com buraco, forrar com uma folha de papel vegetal e colocar a rosca. Deixar descansar a massa já enroscada por mais 30 minutos, para 2ª levedação.

2015-01-02 16.24.252015-01-02 16.50.01

9. Colocar um recipiente com água no interior do forno e ligar a 200º. quando já estiver bem quente colocar o pão no forno. Cozer durante cerca de 20Min. ou mais tostadinho, mais branquinho…é a vosso gosto Piscar de olho

2015-01-02 17.33.36 

10. Difícil, difícil…é vê-lo sair do forno e resistir em cortar logo umas fatias. Claro que eu não resisti, nem nunca resisto Anjo

2015-01-02 17.39.04

11. Em pouco menos de 15Min. ficou assim… quase pela metade Sorriso rasgado

2015-01-02 17.51.56

Etiquetas Technorati: Pão,Acompanhamentos





Pão Enroscado…

O cheiro do pão quente que aromatiza a casa pela manhã ou pela tarde, até mesmo à noite é algo que me é completamente habitual. De algum tempo para cá, que as idas à padaria cá da vila são mesmo só para comprar o fermento. Piscar de olho
Faço o meu próprio pão: é fácil, muito mais económico, saboroso e saudável. faço diversas combinações e cada uma delas é sucesso garantido.
A maioria das pessoas pensam que fazer pão em casa dá muito trabalho, suja a cozinha e demora muito tempo. Errado! Tenho que vos dizer que a Bimby, a máquina de fazer pão (esta anda muito esquecida ali pelo armário) e o meu forno a lenha auxiliam-me neste processo e sem estes utensílios, talvez não me atrevesse, mas felizmente tenho-os em casa e quase que não sujo as mãos para ter à minha mesa pão caseiro fresquinhos e quase não preciso sujar as mãos.

Para primeira postagem do ano, sai um pãozinho enroscado (porque é enrolado em forma de rosca) que precisa levedar, mas que vale bem a pena a espera Piscar de olho  Neste novo ano, uma troca de hábitos, vai ser colocada em prática. Vou tentar deixar os bolos e as doçuras mais para ocasiões especiais e transformar as minhas refeições mais saudáveis e nutritivas. Este desejo tem ocupado imenso os meus pensamentos. Não sei se vou conseguir, mas pelo menos tentar pôr em prática, isso eu vou!Quem, eu?

2015-01-02 17.36.23

Ingredientes:

310g de água
25g de fermento fresco de padeiro
500g de farinha T65
5g de sal fino

Preparação:

1. Colocar a água, o fermento e 150g de farinha. Programar 2Min./37º/Vel. 2.

2015-01-02 15.22.482015-01-02 15.26.32

2. Adicionar os restantes ingredientes. Programar 10Min./ Vel.Espiga.

2015-01-02 15.27.402015-01-02 15.38.24

3. Deixar a massa repousar dentro do copo e tapar com 2 panos: um à volta da Bimby (usei um cobertor de bebé, o meuSorriso) e uma mantinha por cima.

2015-01-02 15.39.542015-01-02 15.41.48

4. Em principio, levedará em 15-20Min, isto porque depende da temperatura ambiente, como eu tenho fogão a lenha na cozinha é um instantinho. O copo medida vai levantar da tampa.

2015-01-02 16.11.042015-01-02 16.12.55

5. Polvilhar uma superfície com farinha e colocar a massa sobre a bancada. Com as mãos enfarinhas, dividir em 2 partes iguais. 

2015-01-02 16.14.272015-01-02 16.15.40

6. Tender as 2 partes de forma a obter cordas de massa. Entrelaçar.

2015-01-02 16.16.362015-01-02 16.17.21

7. Dar-lhe a forma de uma rosca.

2015-01-02 16.17.562015-01-02 16.18.30

8. Numa forma com buraco, forrar com uma folha de papel vegetal e colocar a rosca. Deixar descansar a massa já enroscada por mais 30 minutos, para 2ª levedação.

2015-01-02 16.24.252015-01-02 16.50.01

9. Colocar um recipiente com água no interior do forno e ligar a 200º. quando já estiver bem quente colocar o pão no forno. Cozer durante cerca de 20Min. ou mais tostadinho, mais branquinho…é a vosso gosto Piscar de olho

2015-01-02 17.33.36 

10. Difícil, difícil…é vê-lo sair do forno e resistir em cortar logo umas fatias. Claro que eu não resisti, nem nunca resisto Anjo

2015-01-02 17.39.04

11. Em pouco menos de 15Min. ficou assim… quase pela metade Sorriso rasgado

2015-01-02 17.51.56

Etiquetas Technorati: Pão,Acompanhamentos





Pág. 3/3