Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Simply by Cristina

Homemade Food & Photography

Simply by Cristina

Homemade Food & Photography

A ternurinha dos 40...chegou!

A parte mais engraçada para mim ao fazer 40 anos é que parece que essa idade ainda não me pertence...isto porque há uns anos atrás parecia uma idade tão inatingível, uma coisa assim que iria demorar ainda muito tempo a chegar, a verdade é que já cá estão e nem me apercebi como pode ter passado tão rápido?
Nos últimos dias, antes do grande dia 16 pensei muitas vezes: Será que eu não me importo realmente com a chegada dos 40? Será que fazer 40 anos vai ser assim um marco tãoooo importante como muitas amigas me dizem que é? Algumas entram mesmo em paranoia e agora que já tenho 40 anos, não percebo porque é que elas agem dessa forma! Continuo a não perceber, porque me sinto lindamente, tenho até um certo orgulho em dizer que tenho 40 anos, porque na verdade...sinto-me ainda tão jovem. 
Tentei investigar dentro de mim acerca do que é ter 40 anos, mas sinceramente não consegui chegar a muitas conclusões. 
Sei que estou bem e sinto-me, de facto muito bem!
Estou viva, tenho a minha família, as minhas filhas, o meu marido, tenho saúde, tenho os meus pais vivos, irmã e sobrinhas maravilhosas, isto é uma bênção.
Com 20 anos estas coisas não parecem ser tão importantes, mas com 40, ficamos extremamente felizes por termos a família a nosso lado e com saúde e sim, para mim é o mais importante. 
Sei também  que, por outro lado, não há tempo a perder. Porque se antes achava que o tempo nunca mais ia passar, hoje, com 40, sei que o tempo passa.
A vida é agora. É ser feliz, então é preciso libertar-nos de todas aquelas algemas, de todas aquelas certezas certíssimas, das pequeninices, das hipocrisias, de todos os sentimentos que nos podem derrubar, das pessoas negativas e tóxicas que muitas vezes nos querem prejudicar. Há muito que já faço essa limpeza na minha vida e só quem eu quero permanece na minha vida. A idade permite-nos estas coisas. ;)
Para os meus 40 anos desejo que eu me lembre todos os dias de que o tempo passa. E com isso em mente, eu me lembre de ser feliz todos os dias. Que a idade não me intimide, que eu não tenha medo da velhice e que aprecie o essencial na vida, que a gratidão de estar viva e de ter tudo o que eu tenho inunde o meu pequeno, mas enormeeee coração e que eu seja feliz quer tenha 40, 50 ou 100.
Sim quero lá chegar, aos 100 e vou lutar por isso! ;)
E depois há a festa e o bolo...o meu bolo preferido!
O de sempre, porque é este o que considero ser o meu bolo: Pão de Ló com Recheio de Ovos Moles e Chila, este ano com massa folhada para ajudar à festa e um Butercream delicioso.
As Framboesas deram um toque bem especial.
No final, fiquei super orgulhosa...lindo o meu bolinho!
 


Ingredientes:
Para dois bolos Pão-de-Ló:
5 ovos + 5 ovos
200g de açúcar + 200g açúcar
250g farinha T55 + 250g farinha T55
1c. chá fermento para bolos + 1c. chá fermento para bolos

Recheio:
Ovos Moles , os quais devem fazer no dia anterior e reservar no frigorífico para estarem bem solidificados.
Doce de Chila, faço sempre o meu umas semanas antes.
1 base de massa folhada redonda, a qual devem recortar pela medida da forma do bolo.
Picar com um garfo toda a superfície e levar ao forno a 180º, de modo a que a placa de massa folhada, aumente o seu volume e folheie mais.  
Quando tiverem passado 12-15Min. aumentar a temperatura para 220º para dourar.
Reservar.

Cobertura:
250g manteiga à temperatura ambiente
300g açúcar em pó
1c. chá de aroma de baunilha
1c. café de Corante rosa (opcional)

Framboesas frescas para decorar

Forma redonda 24cm

Preparação:
Bolos:
1. No copo da Bimby colocar 5 ovos, 200g de açúcar.
Inserir a borboleta e programar 6Min./37º/Vel.3
2. Adicionar a farinha e o fermento pelo bucal. Programar 20Seg./Vel.3
3. Untar a forma com manteiga e polvilhar com farinha.
4. Levar ao forno pré-aquecido durante 30Min.
5. Passados os 20Min. da cozedura, preparar o 2º bolo, para quando retirarem o primeiro, inserirem a forma com o preparado do segundo bolo.
6. O bolo só deve ser desenformado após 15-20Min. depois de ter saído do forno.

Cobertura de Buttercream:
1. No copo colocar 150g de açúcar. Programar 20Seg./Vel.9
Retirar e reservar.
2. Repetir para os restantes 150g. Reservar
3. Num recipiente largo, deitar a manteiga e com a batedeira bater alguns segundos para que a manteiga se transforme num creme fofo.
Com uma colher adicionar aos poucos o açúcar em pó e envolver.
Adicionar a meio a baunilha.
Depois do açúcar todo envolvido, deixar bater mais 3Min.
4. Como eu pretendia que uma parte do creme fosse cor de rosa, retirei um pedaço de Buttercream e reservei. Na outra parte, adicionei o corante rosa e envolvi com uma espátula até adquirir a cor pretendida.

Recheio de Doce de Ovos Moles e Chila:
1. Numa taça colocar os Ovos Moles e adicionar uma dose generosa de Doce de Chila.
Envolver bem para que fique uma mistura homogénea.
Reservar.

Montagem do Bolo:
1. Num prato, barrar o fundo com um pouco de Buttercream e colocar um dos bolos em cima deste.


2. Barrar a superfície do bolo com metade do recheio.
3. Colocar a base de massa folhada.



4. Barrar a massa folhada com a restante metade do recheio.



5. Colocar o 2º bolo em cima do recheio, sem pressionar.
Como podem ver na foto o doce de ovos escorreu apenas aquele bocadinho, mas o Buttercream é milagroso, tapa todas as imperfeições!


6. Com a ajuda de uma espátula, barrar as laterais do bolo com o Butercream cor de rosa, em movimentos de baixo para cima, a toda a volta.


7. O topo do bolo deverá ser o último a ser barrado, portanto depois de as laterais do bolo estarem barradas, deitar o Buttercream ao centro e com uma colher de sobremesa espalhar em movimentos circulares até chegar ao limite deste.
Não ceder à tentação, para não dar umas lambidelas :D Não cedi!


Fiz, na noite anterior.
Reservei o bolo no frigorífico e só acabei a decoração na manhã seguinte.
Estava fofo e delicioso.
Bonito, maravilhoso e perfeito para celebrar os meus 40!


Decorar com as Framboesas frescas ou outra fruta a gosto.




O brinde foi feito com Espumante Terras do Demo: Olho de Perdiz, o meu preferido!



A ternurinha dos 40...chegou!

A parte mais engraçada para mim ao fazer 40 anos é que parece que essa idade ainda não me pertence...isto porque há uns anos atrás parecia uma idade tão inatingível, uma coisa assim que iria demorar ainda muito tempo a chegar, a verdade é que já cá estão e nem me apercebi como pode ter passado tão rápido?
Nos últimos dias, antes do grande dia 16 pensei muitas vezes: Será que eu não me importo realmente com a chegada dos 40? Será que fazer 40 anos vai ser assim um marco tãoooo importante como muitas amigas me dizem que é? Algumas entram mesmo em paranoia e agora que já tenho 40 anos, não percebo porque é que elas agem dessa forma! Continuo a não perceber, porque me sinto lindamente, tenho até um certo orgulho em dizer que tenho 40 anos, porque na verdade...sinto-me ainda tão jovem. 
Tentei investigar dentro de mim acerca do que é ter 40 anos, mas sinceramente não consegui chegar a muitas conclusões. 
Sei que estou bem e sinto-me, de facto muito bem!
Estou viva, tenho a minha família, as minhas filhas, o meu marido, tenho saúde, tenho os meus pais vivos, irmã e sobrinhas maravilhosas, isto é uma bênção.
Com 20 anos estas coisas não parecem ser tão importantes, mas com 40, ficamos extremamente felizes por termos a família a nosso lado e com saúde e sim, para mim é o mais importante. 
Sei também  que, por outro lado, não há tempo a perder. Porque se antes achava que o tempo nunca mais ia passar, hoje, com 40, sei que o tempo passa.
A vida é agora. É ser feliz, então é preciso libertar-nos de todas aquelas algemas, de todas aquelas certezas certíssimas, das pequeninices, das hipocrisias, de todos os sentimentos que nos podem derrubar, das pessoas negativas e tóxicas que muitas vezes nos querem prejudicar. Há muito que já faço essa limpeza na minha vida e só quem eu quero permanece na minha vida. A idade permite-nos estas coisas. ;)
Para os meus 40 anos desejo que eu me lembre todos os dias de que o tempo passa. E com isso em mente, eu me lembre de ser feliz todos os dias. Que a idade não me intimide, que eu não tenha medo da velhice e que aprecie o essencial na vida, que a gratidão de estar viva e de ter tudo o que eu tenho inunde o meu pequeno, mas enormeeee coração e que eu seja feliz quer tenha 40, 50 ou 100.
Sim quero lá chegar, aos 100 e vou lutar por isso! ;)
E depois há a festa e o bolo...o meu bolo preferido!
O de sempre, porque é este o que considero ser o meu bolo: Pão de Ló com Recheio de Ovos Moles e Chila, este ano com massa folhada para ajudar à festa e um Butercream delicioso.
As Framboesas deram um toque bem especial.
No final, fiquei super orgulhosa...lindo o meu bolinho!
 


Ingredientes:
Para dois bolos Pão-de-Ló:
5 ovos + 5 ovos
200g de açúcar + 200g açúcar
250g farinha T55 + 250g farinha T55
1c. chá fermento para bolos + 1c. chá fermento para bolos

Recheio:
Ovos Moles , os quais devem fazer no dia anterior e reservar no frigorífico para estarem bem solidificados.
Doce de Chila, faço sempre o meu umas semanas antes.
1 base de massa folhada redonda, a qual devem recortar pela medida da forma do bolo.
Picar com um garfo toda a superfície e levar ao forno a 180º, de modo a que a placa de massa folhada, aumente o seu volume e folheie mais.  
Quando tiverem passado 12-15Min. aumentar a temperatura para 220º para dourar.
Reservar.

Cobertura:
250g manteiga à temperatura ambiente
300g açúcar em pó
1c. chá de aroma de baunilha
1c. café de Corante rosa (opcional)

Framboesas frescas para decorar

Forma redonda 24cm

Preparação:
Bolos:
1. No copo da Bimby colocar 5 ovos, 200g de açúcar.
Inserir a borboleta e programar 6Min./37º/Vel.3
2. Adicionar a farinha e o fermento pelo bucal. Programar 20Seg./Vel.3
3. Untar a forma com manteiga e polvilhar com farinha.
4. Levar ao forno pré-aquecido durante 30Min.
5. Passados os 20Min. da cozedura, preparar o 2º bolo, para quando retirarem o primeiro, inserirem a forma com o preparado do segundo bolo.
6. O bolo só deve ser desenformado após 15-20Min. depois de ter saído do forno.

Cobertura de Buttercream:
1. No copo colocar 150g de açúcar. Programar 20Seg./Vel.9
Retirar e reservar.
2. Repetir para os restantes 150g. Reservar
3. Num recipiente largo, deitar a manteiga e com a batedeira bater alguns segundos para que a manteiga se transforme num creme fofo.
Com uma colher adicionar aos poucos o açúcar em pó e envolver.
Adicionar a meio a baunilha.
Depois do açúcar todo envolvido, deixar bater mais 3Min.
4. Como eu pretendia que uma parte do creme fosse cor de rosa, retirei um pedaço de Buttercream e reservei. Na outra parte, adicionei o corante rosa e envolvi com uma espátula até adquirir a cor pretendida.

Recheio de Doce de Ovos Moles e Chila:
1. Numa taça colocar os Ovos Moles e adicionar uma dose generosa de Doce de Chila.
Envolver bem para que fique uma mistura homogénea.
Reservar.

Montagem do Bolo:
1. Num prato, barrar o fundo com um pouco de Buttercream e colocar um dos bolos em cima deste.


2. Barrar a superfície do bolo com metade do recheio.
3. Colocar a base de massa folhada.



4. Barrar a massa folhada com a restante metade do recheio.



5. Colocar o 2º bolo em cima do recheio, sem pressionar.
Como podem ver na foto o doce de ovos escorreu apenas aquele bocadinho, mas o Buttercream é milagroso, tapa todas as imperfeições!


6. Com a ajuda de uma espátula, barrar as laterais do bolo com o Butercream cor de rosa, em movimentos de baixo para cima, a toda a volta.


7. O topo do bolo deverá ser o último a ser barrado, portanto depois de as laterais do bolo estarem barradas, deitar o Buttercream ao centro e com uma colher de sobremesa espalhar em movimentos circulares até chegar ao limite deste.
Não ceder à tentação, para não dar umas lambidelas :D Não cedi!


Fiz, na noite anterior.
Reservei o bolo no frigorífico e só acabei a decoração na manhã seguinte.
Estava fofo e delicioso.
Bonito, maravilhoso e perfeito para celebrar os meus 40!


Decorar com as Framboesas frescas ou outra fruta a gosto.




O brinde foi feito com Espumante Terras do Demo: Olho de Perdiz, o meu preferido!



Risotto de Shiitake e Espumante Terras do Demo...

Este tempo frio faz com que e apeteça elaborar pratos que aconcheguem o estômago.
Com 500g de Cogumelos Shiitake Quinta das Lages aliado ao Espumante Terras do Demo, aqui da minha vila fiz um prato delicioso.
Adoro este arroz, pois quando cozido, os seus grãos tornam-se firmes, húmidos e cremosos. Já os Shiitake...possuem um sabor 'terroso', típico dos cogumelos selvagens que mais parecem pedaços de carne, sem o serem! Resultado: um casamento perfeito de sabores.
Adoro!


Ingredientes:
500g de Cogumelos Shiitake Quinta das Lages
1 cebola
3 dentes de alho
25g azeite
120ml Espumante Terras do Demo Cooperativa Agrícola do Távora
1 caldo de galinha
350ml + 300ml água
240g arroz para risoto
50g de Pimentos vermelhos e verdes laminados 
40g queijo Gruyère, ralado (podem usar parmesão ou outro a gosto)
Salsa Aroma Alentejo para polvilhar
Preparação:
1. No copo deitar o azeite, a cebola e os dentes de alho. 5Seg./Vel.5
Seguido de 5Min./Varoma/Vel.1


2. Depois de lavados, secos e fatiados os Shiitake, colocar estes no copo. Adicionar 350ml da água reservada, o espumante Terras do Demo, o caldo de galinha, os pimentos e deixar cozinhar. 8Min./100º/Vel. Colher/Inversa


3. Adicionar os restantes ingredientes. Programar 8Min./100º/Inversa/Vel. Colher


4.  Retirar a tampa e com a ajuda da espátula envolver para soltar o arroz do fundo.
De seguida, programar 8Min./100º/Inversa/Vel. Colher


5.  Retificar temperos, adicionar o queijo ralado e programar 2Min./100º/Inversa/Vel. Colher.


6.  Deixar descansar dentro do copo fechado cerca de 2Min. e servir de seguida, polvilhado com Ervas Aromáticas a gosto. Usei Salsa Aroma Alentejo

Risotto de Shiitake e Espumante Terras do Demo...

Este tempo frio faz com que e apeteça elaborar pratos que aconcheguem o estômago.
Com 500g de Cogumelos Shiitake Quinta das Lages aliado ao Espumante Terras do Demo, aqui da minha vila fiz um prato delicioso.
Adoro este arroz, pois quando cozido, os seus grãos tornam-se firmes, húmidos e cremosos. Já os Shiitake...possuem um sabor 'terroso', típico dos cogumelos selvagens que mais parecem pedaços de carne, sem o serem! Resultado: um casamento perfeito de sabores.
Adoro!


Ingredientes:
500g de Cogumelos Shiitake Quinta das Lages
1 cebola
3 dentes de alho
25g azeite
120ml Espumante Terras do Demo Cooperativa Agrícola do Távora
1 caldo de galinha
350ml + 300ml água
240g arroz para risoto
50g de Pimentos vermelhos e verdes laminados 
40g queijo Gruyère, ralado (podem usar parmesão ou outro a gosto)
Salsa Aroma Alentejo para polvilhar
Preparação:
1. No copo deitar o azeite, a cebola e os dentes de alho. 5Seg./Vel.5
Seguido de 5Min./Varoma/Vel.1


2. Depois de lavados, secos e fatiados os Shiitake, colocar estes no copo. Adicionar 350ml da água reservada, o espumante Terras do Demo, o caldo de galinha, os pimentos e deixar cozinhar. 8Min./100º/Vel. Colher/Inversa


3. Adicionar os restantes ingredientes. Programar 8Min./100º/Inversa/Vel. Colher


4.  Retirar a tampa e com a ajuda da espátula envolver para soltar o arroz do fundo.
De seguida, programar 8Min./100º/Inversa/Vel. Colher


5.  Retificar temperos, adicionar o queijo ralado e programar 2Min./100º/Inversa/Vel. Colher.


6.  Deixar descansar dentro do copo fechado cerca de 2Min. e servir de seguida, polvilhado com Ervas Aromáticas a gosto. Usei Salsa Aroma Alentejo

Florette...nova parceria!

É com alegria que informo a todos que o Simply by Cristina estabeleceu uma nova parceria com a Florette Portugal.
Para quem ainda não conhece, a Florette é especialista na produção e distribuição de vegetais frescos, limpos e cortados.
Foi criada em 1987 e faz parte do Grupo AGRIAL.

A Florette é líder europeu de verduras e saladas prontas a consumir, continua a crescer no mercado, defendendo e desenvolvendo a sua quota de mercado num ambiente económico cada vez mais competitivo e num mercado mais maduro.
Tem como  objetivo é oferecer produtos de perfeita qualidade que contribuam à saúde e ao bem estar dos consumidores. Na Florette, queremos atuar de forma responsável com os nossos consumidores e trabalhadores bem como com os nossos produtores com quem trabalhamos de perto. Queremos manter o nosso espírito atual, baseado no êxito continuado através dos resultados económicos, desenvolvimento do pessoal e o respeito do meio ambiente, em linha com os princípios de desenvolvimento sustentável.
Presente no mercado português desde 2001, a Florette é uma alternativa de qualidade, prática, natural e saudável aos vegetais frescos tradicionais, que exigem tempo de lavagem e preparação, com maior desperdício e consequente custo.
Os seus produtos são de excelente qualidade e pertencem à IV gama - produtos embalados, lavados e prontos a consumir: 
Agrião, Canónigos, Espinafre Baby, Alface Iceberg, Rúcula Selvagem, Lollo Rosso Baby, Alface Folha de carvalho, Lollo verde baby, Tatsoi, Escarola Lisa, Escarola Frisada, Red Chard, Lollo Rosso, Batavia Verde baby, Alface Romana, Radiccio, Alfalce Batavia.
Dividem-se também em duas categorias: saladas, simples, mistas, molhos e ingredientes extra, para além de outros produtos como sopas.

Hoje chegaram a minha casa, alguns desses produtos que eu já experimentei, pois não resisti à sua frescura! Fiquei fascinada com o seu sabor. 
Adorei e recomendo vivamente, pois o sabor é incrível.


Mas, a Florette enviou-me mais uma surpresa... Uma nova salada completa - Pasta  & Rúcula que promete fazer as delícias de quem tem pouco tempo livre e gosta de uma boa salada.
Esta é composta por seis ingredientes frescos, cuidadosamente selecionados e preparados, e acompanhada por um cremoso molho de tomate e manjericão, a nova salada completa de massa e rúcula é a combinação perfeita para uma refeição completa, sã e equilibrada. Têm mesmo de provar!






Mais logo será este o meu jantar ;)

Cuidem da vossa saúde e vivam melhor com a Florette!

Agradeço  Florette pela simpatia e pelos produtos fantásticos que me enviaram.

Visitem a página de Facebook e fiquem a par de todas as novidades: Florette Portugal


 


Florette...nova parceria!

É com alegria que informo a todos que o Simply by Cristina estabeleceu uma nova parceria com a Florette Portugal.
Para quem ainda não conhece, a Florette é especialista na produção e distribuição de vegetais frescos, limpos e cortados.
Foi criada em 1987 e faz parte do Grupo AGRIAL.

A Florette é líder europeu de verduras e saladas prontas a consumir, continua a crescer no mercado, defendendo e desenvolvendo a sua quota de mercado num ambiente económico cada vez mais competitivo e num mercado mais maduro.
Tem como  objetivo é oferecer produtos de perfeita qualidade que contribuam à saúde e ao bem estar dos consumidores. Na Florette, queremos atuar de forma responsável com os nossos consumidores e trabalhadores bem como com os nossos produtores com quem trabalhamos de perto. Queremos manter o nosso espírito atual, baseado no êxito continuado através dos resultados económicos, desenvolvimento do pessoal e o respeito do meio ambiente, em linha com os princípios de desenvolvimento sustentável.
Presente no mercado português desde 2001, a Florette é uma alternativa de qualidade, prática, natural e saudável aos vegetais frescos tradicionais, que exigem tempo de lavagem e preparação, com maior desperdício e consequente custo.
Os seus produtos são de excelente qualidade e pertencem à IV gama - produtos embalados, lavados e prontos a consumir: 
Agrião, Canónigos, Espinafre Baby, Alface Iceberg, Rúcula Selvagem, Lollo Rosso Baby, Alface Folha de carvalho, Lollo verde baby, Tatsoi, Escarola Lisa, Escarola Frisada, Red Chard, Lollo Rosso, Batavia Verde baby, Alface Romana, Radiccio, Alfalce Batavia.
Dividem-se também em duas categorias: saladas, simples, mistas, molhos e ingredientes extra, para além de outros produtos como sopas.

Hoje chegaram a minha casa, alguns desses produtos que eu já experimentei, pois não resisti à sua frescura! Fiquei fascinada com o seu sabor. 
Adorei e recomendo vivamente, pois o sabor é incrível.


Mas, a Florette enviou-me mais uma surpresa... Uma nova salada completa - Pasta  & Rúcula que promete fazer as delícias de quem tem pouco tempo livre e gosta de uma boa salada.
Esta é composta por seis ingredientes frescos, cuidadosamente selecionados e preparados, e acompanhada por um cremoso molho de tomate e manjericão, a nova salada completa de massa e rúcula é a combinação perfeita para uma refeição completa, sã e equilibrada. Têm mesmo de provar!






Mais logo será este o meu jantar ;)

Cuidem da vossa saúde e vivam melhor com a Florette!

Agradeço  Florette pela simpatia e pelos produtos fantásticos que me enviaram.

Visitem a página de Facebook e fiquem a par de todas as novidades: Florette Portugal


 


Petits Fours de Lemon Curd...

Os Petits Fours são deliciosas e delicadas iguarias francesas que podem ser degustadas em apenas uma...dentada. A sério!
Assim sendo posso comer 2 ou 3? É como os beijos, hoje é o dia deles, não se pode dar apenas um, concordam?
Petits Fours de Lemon Curd com muitos beijinhos para celebrar este dia!

Os Petits Fours surgiram por volta do século XVIII e foi "inventado" com o intuito de aproveitar o calor dos fornos a carvão e lenha.
Ora, o fogão a lenha ainda continua a aquecer o meu doce lar e portanto há que rentabilizar o forninho...
São tão bons...impossível comer só um, são pequenitos... :D

Ingredientes:
Para a massa:

150g de farinha de trigo T55
1 c. de sopa de açúcar
1 pitada de sal
100g de manteiga gelada
1 gema
Preparação:
1.  Coloca todos os ingredientes no copo e misturar 20Seg./Vel.5
2. Retirar a massa do copo e com as mãos formar uma bola.
3. Envolver em película aderente e levar ao frigorífico 30Min. para refrigerar.
4. Com um rolo, estender a massa. Com um cortador redondo cortar a massa.


5. Forrar forminhas com papel vegetal e e colocar a massa já recortada.
Com um garfo, picar a base.


6. Levar ao forno pré-aquecido a 200°C durante 8 a 10Min.
Retirar do forno e deixar arrefecer.

 
Para o Lemon Curd: 
Ingredientes:
4 gemas de ovo (usei ovos caseiros)
200ml de água
50g fécula de batata OU Maizena
100g açúcar
30ml sumo de limão
30g manteiga sem sal
Canela em pó e Amoras Brancas Biosamara - Zumbu para decorar
Preparação:
1. Colocar no copo todos os ingredientes e programar 7Min./90º/Vel.4


2. No final do tempo programado, podem deitar nos Petits Fours ou guardar num frasco de vidro para futuras receitas.
Ficou com uma cor linda e espesso como eu gosto.
Para ficar mais liquido, programem apenas 5Min. ;)


Sugestão de apresentação:
Polvilhar com canela em pó e finalizar com amoras brancas.


Petits Fours de Lemon Curd...

Os Petits Fours são deliciosas e delicadas iguarias francesas que podem ser degustadas em apenas uma...dentada. A sério!
Assim sendo posso comer 2 ou 3? É como os beijos, hoje é o dia deles, não se pode dar apenas um, concordam?
Petits Fours de Lemon Curd com muitos beijinhos para celebrar este dia!

Os Petits Fours surgiram por volta do século XVIII e foi "inventado" com o intuito de aproveitar o calor dos fornos a carvão e lenha.
Ora, o fogão a lenha ainda continua a aquecer o meu doce lar e portanto há que rentabilizar o forninho...
São tão bons...impossível comer só um, são pequenitos... :D

Ingredientes:
Para a massa:

150g de farinha de trigo T55
1 c. de sopa de açúcar
1 pitada de sal
100g de manteiga gelada
1 gema
Preparação:
1.  Coloca todos os ingredientes no copo e misturar 20Seg./Vel.5
2. Retirar a massa do copo e com as mãos formar uma bola.
3. Envolver em película aderente e levar ao frigorífico 30Min. para refrigerar.
4. Com um rolo, estender a massa. Com um cortador redondo cortar a massa.


5. Forrar forminhas com papel vegetal e e colocar a massa já recortada.
Com um garfo, picar a base.


6. Levar ao forno pré-aquecido a 200°C durante 8 a 10Min.
Retirar do forno e deixar arrefecer.

 
Para o Lemon Curd: 
Ingredientes:
4 gemas de ovo (usei ovos caseiros)
200ml de água
50g fécula de batata OU Maizena
100g açúcar
30ml sumo de limão
30g manteiga sem sal
Canela em pó e Amoras Brancas Biosamara - Zumbu para decorar
Preparação:
1. Colocar no copo todos os ingredientes e programar 7Min./90º/Vel.4


2. No final do tempo programado, podem deitar nos Petits Fours ou guardar num frasco de vidro para futuras receitas.
Ficou com uma cor linda e espesso como eu gosto.
Para ficar mais liquido, programem apenas 5Min. ;)


Sugestão de apresentação:
Polvilhar com canela em pó e finalizar com amoras brancas.


Crepe Gateau de Requeijão...

Aqueles dias em que apetece algo diferente e lá fora mais parece pleno Inverno, do que Primavera...faz-se Crepe Gateau de Requeijão para o pequeno almoço!
C'est chic e anima logo o nosso dia! ;)


Ingredientes:
300ml leite
2 ovos
25g açúcar
20g manteiga (sem sal)
100g farinha T55
100g farinha de arroz
1c. chá de fermento para bolos
1c. café de bicarbonato de sódio
1 Requeijão
Preparação:
1. Colocar no copo a manteiga. 2Min./70º/Vel.1
2. Adicionar o leite, os ovos, o açúcar. 10Seg./Vel.3



3. Adicionar as farinhas, o requeijão, o fermento e o bicarbonato de sódio. 10Seg./Vel. 5


4. Untar uma frigideira com um pouco de azeite e aquecer em lume médio.
Colocar um pouco de massa e deixar cozinhar até que apareçam bolhas à superfície, virar para cozinhar do outro lado.


5. Repetir até terminar a massa.
Empilhar os crepes num prato.


6. Barrei com mel, uma das opções que eu adoro.


Como alternativa:
Espalhar entre os crepes compota a gosto ou frutas frescas.No topo, barrar com iogurte grego e frutos vermelhos.

Sugestão:
Versão salgada:
Diminuir a quantidade de açúcar para metade e adicionar uma pitada de sal ao mesmo tempo que podem aromatizar com ervas aromáticas ou queijo ralado.

Crepe Gateau de Requeijão...

Aqueles dias em que apetece algo diferente e lá fora mais parece pleno Inverno, do que Primavera...faz-se Crepe Gateau de Requeijão para o pequeno almoço!
C'est chic e anima logo o nosso dia! ;)


Ingredientes:
300ml leite
2 ovos
25g açúcar
20g manteiga (sem sal)
100g farinha T55
100g farinha de arroz
1c. chá de fermento para bolos
1c. café de bicarbonato de sódio
1 Requeijão
Preparação:
1. Colocar no copo a manteiga. 2Min./70º/Vel.1
2. Adicionar o leite, os ovos, o açúcar. 10Seg./Vel.3



3. Adicionar as farinhas, o requeijão, o fermento e o bicarbonato de sódio. 10Seg./Vel. 5


4. Untar uma frigideira com um pouco de azeite e aquecer em lume médio.
Colocar um pouco de massa e deixar cozinhar até que apareçam bolhas à superfície, virar para cozinhar do outro lado.


5. Repetir até terminar a massa.
Empilhar os crepes num prato.


6. Barrei com mel, uma das opções que eu adoro.


Como alternativa:
Espalhar entre os crepes compota a gosto ou frutas frescas.No topo, barrar com iogurte grego e frutos vermelhos.

Sugestão:
Versão salgada:
Diminuir a quantidade de açúcar para metade e adicionar uma pitada de sal ao mesmo tempo que podem aromatizar com ervas aromáticas ou queijo ralado.