Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Simply by Cristina

Homemade Food & Photography

Simply by Cristina

Homemade Food & Photography

Creme de Cenoura...

E a primeira publicação de 2018 é um simples Creme de Cenoura!
Simples, mas delicioso!
Antes de passar à receita gostaria de vos desejar um excelente Ano de 2018, desejando que todos os vossos desejos se concretizem e agradecer-vos por fazerem parte deste meu Simply by Cristina que é vosso também.
Ora bem, não sei se o mesmo se passa convosco, mas eu estou farta de doces, já nem os posso ver à frente!
Nesta altura do ano que é propícia à doçaria, todos cometemos excessos e claro que eu não sou exceção, mas depois chegam aqueles momentos em que só de pensar neles me causam náuseas, credo!
Então é nestas alturas que recomeço a delinear os menus cá de casa e não há melhor forma para o fazer do que REcomeçar com aquelas ementas mais simples e básicas.
A minha Inês, tal como o pai, adoram este Creme, mas um gosta mais consistente, outro mais líquido, há que satisfazer ambos. Como? Já vos conto tudo!
Aí por casa também gostam?


Ingredientes:
750g Cenouras
200g Cebola
125g Batatas ou Courgette
2 dentes de Alho
Azeite q.b.
Sal q.b
700ml Água
Preparação:
1. Lavar as Cenouras e as Cebolas.
Rejeitar as cascas, mas reservá-las.
2. Descascar as batatas e os dentes de Alho.
Reservar também as cascas.
NÃO DEITAR FORA! VAMOS REAPROVEITAR ;)


3. Partir em pedaços os legumes e colocar no copo.
4. Adicionar 700ml água, temperar e programar 30Min./100º/Vel.1
5. No final, programar 1Min./Vel.3-5-7 progressivamente.
Retificar temperos, adicionar o Azeite e programar 3Min./100º/Vel.1
Servir quente.


Nota:
1. Se estiver muito consistente, retirar algumas conchas de sopa, adicionar mais água fervida e voltar a programar 5Min./100º/Vel.1
Ajustar sempre a consistência a vosso gosto.
Cá em casa os gostos dividem-se, por isso faço sempre a sopa mais consistente. No final retiro metade, acrescento mais água e deixo ferver mais um pouco. Assim, fica uma mais consistente e outra mais líquida.
2.  Ao triturar a sopa, faça-o progressivamente, Vel.3-5-7.
É fundamental esperar 3 a 5Seg. antes de abrir a tampa, para permitir  aestabilização do líquido e evitar perigo de salpicos.

2 comentários

Comentar post