Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Simply by Cristina

Homemade Food & Photography

Simply by Cristina

Homemade Food & Photography

Sex | 10.10.14

Bolinhos de abóbora do Convento de Odivelas…

Simply by Cristina
Hoje aventurei-me na doçaria conventual do nosso país! Tenho andado com uma vontade imensa de me superar e de recuperar sabores tradicionais e autênticos. Porque não trazer para a minha mesa, as receitas mais bem guardadas pela História, mas sem passar muitas horas de clausura na cozinha? Isto só me é possível porque tenho como aliada a minha Bimby!A nossa doçaria conventual já foi guardada a sete chaves, mas ao longo dos tempos lá se foram abrindo umas janelinhas, revelaram-se (...)
Sex | 10.10.14

Bolinhos de abóbora do Convento de Odivelas…

Simply by Cristina
Hoje aventurei-me na doçaria conventual do nosso país! Tenho andado com uma vontade imensa de me superar e de recuperar sabores tradicionais e autênticos. Porque não trazer para a minha mesa, as receitas mais bem guardadas pela História, mas sem passar muitas horas de clausura na cozinha? Isto só me é possível porque tenho como aliada a minha Bimby!A nossa doçaria conventual já foi guardada a sete chaves, mas ao longo dos tempos lá se foram abrindo umas janelinhas, revelaram-se (...)
Ter | 02.09.14

Manjar-branco…

Simply by Cristina
“Perdoo-te o mal que me fazes, pelo bem que me sabes.”Foi após ler este ditado popular que decidi fazer este manjar…uma substância alimentícia, uma iguaria delicada, aquilo que deleita ou alimenta o espírito…Um doce conventual português!Estas são as palavras que melhor descrevem este manjar-branco, acreditem em mim! E se o fizerem, não venham cá dizer que engordaram, pois eu não tenho culpa alguma, não. Aviso já que é extremamente doce e…na próxima vez que o fizer, (...)
Ter | 02.09.14

Manjar-branco…

Simply by Cristina
“Perdoo-te o mal que me fazes, pelo bem que me sabes.”Foi após ler este ditado popular que decidi fazer este manjar…uma substância alimentícia, uma iguaria delicada, aquilo que deleita ou alimenta o espírito…Um doce conventual português!Estas são as palavras que melhor descrevem este manjar-branco, acreditem em mim! E se o fizerem, não venham cá dizer que engordaram, pois eu não tenho culpa alguma, não. Aviso já que é extremamente doce e…na próxima vez que o fizer, (...)